Música para a alma

Essa é para sentar, colocar os fones, alimentar a alma e transcender.

Com vocês, os ilustríssimos: Al Di Meola, Stanley Clarke e Jean-Luc Ponty em “Renaissance”:

Por favor, me avisem caso saibam de algum show no estilo aqui.

You can leave a response, or trackback from your own site.

5 Responses to “Música para a alma”

  1. Elcio disse:

    Massa. Al di Meola é fera. Eu também gosto de Chick Corea, que quando eu era moleque eu penesava que se chamava Chique Chicória, mas depois cresci e aprendi a gostar.

    Outra cosinha: não consigo postar no outro blog, o dos cachorrinhos.

    Naquele posto da loja de aparelhos de surdez, eu não entendi a mensagem. Seu cachorro é surdo?

    Hã?
    Bj

  2. Elcio disse:

    Desculpe, mas só para esclarecer o que ficou estranho. Não é que eu não consigo “postar”. Eu não consigo “comentar”.

  3. boa forma disse:

    Que delícia de ouvir! Quem sabe, sabe né!

  4. Dimitri disse:

    é rite of strings!!!

    Muito bom, esse trio!

    Se interessar procure também o “friday night in san francisco” – Al Di Meola, Paco de Lucia e John Mclaughlin – vale a pena.

  5. Brunão disse:

    muito bom mesmo. eu conheço um show, que é instrumental também , apesar de não ser parecido com esse daí, mas é muito bom.
    é do Béla Fleck and the Flecktones (Live at the Quick).

Leave a Reply