Gauchês rápido para iniciantes (Porto Alegre)

Mesmo a tantos anos em São Paulo ainda me param para perguntar o que quis dizer com determinadas expressões tipicamente gaúchas.

O vídeo da TV Cultura mostra um pouco das expressões que uso.

Para as expressões da galera da serra, de origem italiana, favor assistir ao vídeo da Vera e seu pai.

Obrigada Liz Lima! Sua linda!

You can leave a response, or trackback from your own site.

3 Responses to “Gauchês rápido para iniciantes (Porto Alegre)”

  1. liz lima disse:

    sempre as ordens Tche!kkkk

  2. Elcio disse:

    Sou campineiro e, portanto, falo com sotaque caipira (como por exemplo, na praia: vô tirá a carça e pô o carção). Mas uma vez fui a POA para um trabalho como advogado que envolvia a participação de um detetive particular, e a gente tinha que ir a uma boate para investigar a atitude suspeita de um marido paulista, que andava aprontando no sul. Mas o melhor de tudo foi o que eu ouvi do tal detetive:
    - Bááh, doutor, quando a gente chegar na boate, tu deixa que eu falo, porque tu tem um sotaque paulista gozado, nééééé…

  3. Nossa…na boa…a linguagem do pessoal que mora lá no sul é meio irritante…sem ofensas…rs…adorei o blog! parabéns pelo trabalho!

Leave a Reply