Equipe

Dani Koetz

Sou uma legítima “mineirucha”, fui produzida no RS, em Porto Alegre, no coração do Bom Fim e nasci em Belo Horizonte – MG. Nasci 3 dias depois do previsto, desde o útero já parecia saber o que era bom, era um sábado de carnaval e reza a lenda familiar, que médicos e enfermeiras usavam “colares havaianos”, eu não duvido. Meu pai, passou mal, saiu da sala e esse momento não foi fotografado (Minha primeira manchete não publicada). Quem me conhece, tem certeza que a lenda familiar é verídica. Eu acredito.Dani3 Equipe

Sou estudante de jornalismo, por pura paixão, mesmo ciente que isso, provavelmente, não dará aos meus futuros filhos férias anuais na Disney (eu ainda vou para lá!). Mas não vejo a hora de concluir o curso e fazer algo de mais efetivo no meio. Por enquanto, como não consigo ficar parada. Vou escrevendo, rindo, dançando e trabalhar no meio publicitário com mídias sociais, o que mais gosto e, modéstia à parte sei fazer muito bem!

Comecei no rádio e fui parar no meio televisivo. Já fui diretora, produtora e apresentadora. Como dizem “é uma cachaça” mesmo, adoro!!!

Cultura… ahhhhhh… sou uma devota, um radar móvel, que adoraria poder fazer osmose com todos os livros de história, filosofia e todos os outros disponíveis, música e enquanto esse estilo “matrix” não é possível, vou lendo, ouvindo e vivendo. Mas me angustia o fato de saber que, por mais que eu viva, não absorverei tudo o que quero culturalmente e que a biblioteca de Alexandria não existe mais.

Tenho muitas paixões, muitos amores, e antes que você pense besteira eu digo: Minha família, meus amigos, música, arte, dança, fotografia, natureza, cães e bichos, plantas, sol, mar e vento, noite, lua, sereno e fogos de artifício.

Gosto de produzir tudo, naturalmente tenho esse ímpeto, gosto da idéia de transformar a simplicidade de um momento, uma situação em algo inesquecível.

Eu nunca tive uma cárie, isso é relevante?

E como não poderia deixar de ser… como diria uma velha marchinha de carnaval: “quem sabe, sabe, conhece bem…”

Email: dani@ahtrine.com.br

———————————————-

Emerson de Oliveira

Nunca pensei que fosse tão difícil escrever um perfil, ainda mais o meu. É mais fácil quando tentamos descrever as outras pessoas. Mas como não posso fugir desse desafio, vou tentar ser o mais prático possível.01 Equipe

Meu nome é Emerson de Oliveira, ou Sr. Hermos para os íntimos (Longa história. Prometo que um dia ainda vou contar pra vocês.). Moro numa cidadezinha do interior do Rio Grande do Sul chamada Montenegro. Sou o mais velho de 3 irmãos.

Não vou falar a minha idade. Quem quiser saber, que pesquise no orkut… hehehe.

Sou jornalista (formado, graças a Deus) e adoro trabalhar no ambiente quase neurótico de uma emissora de televisão. Já fiz quase tudo: editei, escrevi roteiros, produzi e dirigi programas, na TV Cultura de Montenegro.

Sempre estive atrás das câmeras. Nos bastidores está a verdadeira ação.

Comecei a escrever no Ah! Tri Né! a convite da minha irmã Dani Koetz. Já trabalhamos juntos na TV Cultura e hoje, estamos trabalhando juntos novamente. Dois cérebros amalucados tentando fazer um trabalho sério, alegre, divertido e competente.

Não era fã de blogs. Confesso que visitava poucas páginas. Mas isso mudou quando comecei a escrever no Ah! Tri Né!. A experiência de compartilhar informações, sons, imagens e vídeos com internautas, passou a ser uma rotina muito agradável.

De um simples blog, o Ah! Tri Né! virou um site, mudou o layout e ainda terá outras tantas novidades, pois nesse ambiente multimídia do universo digital, não podemos ficar estagnados.

Bom, era isso. Esse perfil acabou virando um pequeno editorial. Eu disse que não era fácil escrever um autoperfil. Mas prometo que melhoro com o tempo. Quem sabe, eu faço como o George Lucas e mais tarde eu reescrevo esse perfil.

Por falar em George Lucas, esqueci de dizer que também sou fã de ficção científica, mas isso é assunto para outra hora. Até lá, deixo as minhas reverências aos acessantes do Ah!Tri Né! Até mais…

Email : emerson@ahtrine.com.br